A Conférence des Grandes Ecoles (CGE) divulgou em julho a lista de novos Mastères Spécialisés (MS) e MSc propostos pelas grandes escolas francesas para 2012-2013

Como em 2011, as escolas da Conferência desenvolveram programas com o objetivo de possibilitar aos estudantes titulares de um Master o aperfeiçoamento de seus conhecimentos em matéria demanagement, de segurança informática ou de desenvolvimento sustentável, novas energias etc. Dessa forma, são valorizadas as duplas competências, em especial para formações gerenciais destinadas a engenheiros.

Hoje 429 formações de nível MS e 61 formações MSc são propostas por estabelecimentos membros da CGE, individual ou conjuntamente. No ano letivo 2011-2012, cerca de 7.000 estudantes integraram esses programas.

Alguns programas MS e MSc destinam-se diretamente a um público internacional. Atualmente, cerca de 80 MS e 30 MSc foram elaborados em parceria com estabelecimentos estrangeiros e são realizados em 25 países diferentes.

O que é um MS?
• Uma formação em 12 meses orientada para o mundo profissional
• Em tempo integral ou parcial = 75 créditos ECTS
O programa:
• Ensinos teóricos = mínimo de 350 horas
• Uma formação prática
• Um projeto pessoal de pesquisa ligado ao estágio de no mínimo 4 meses, em laboratório ou em empresa, resultando na defesa de uma tese profissional escrita

O que é um MSc?

O MSc é um programa credenciado pela CGE que atesta a qualidade de um processo completo de formação de referência internacional e ministrado principalmente em inglês.

Um dos trunfos do MS é sua flexibilidade: pode ser criado rapidamente, e dessa forma responder de imediato a necessidades expressas pelas empresas, e também ser suprimido se a demanda deixar de existir. O sucesso dos MS e MSc já há mais de 25 anos está intrinsicamente ligado a essa capacidade de responder às demandas do mercado.

Algumas das novas formações são: Sensores-geolocalização-navegação (ENSTA ParisTech e ENSTA Bretagne), Gestão das águas servidas e pluviais – URBEAUSEP (EIVP), Creacity: as ferramentas de comunicação para os criadores da cidade do futuro (Polytech’Lille), Prevenção e gestão territorial de riscos (ENA), Gerenciamento de programa humanitário (Grenoble Ecole de Management).

Os interessados em se candidatar a essas formações devem verificar os calendários de cada curso. Nos casos em que as datas da comunicação dos resultados e do início das aulas forem próximos, os candidatos brasileiros devem lembrar que os procedimentos pré-consulares e consulares para a obtenção do visto de estudante podem requerer várias semanas.

Confira a lista completa das novas formações: http://www.cge.asso.fr/actualites/les-nouveaux-masteres-specialises-pour-2012-2013