. .


A gastronomia francesa sempre foi sinônimo de sofisticação e classe. O queijo realmente é um símbolo nacional. Existem quase 400 tipos vendidos em supermercados e em fromageries especiais. Normalmente são servidos após as refeições substituindo a sobremesa e junto a uma taça de vinho, que por sua vez é a bebida favorita. Produto de exportação para vários países, o vinho francês pode ser encontrado em qualquer mercado e em todos os restaurantes e é uma instituição. Grandes safras de Bordeaux, de Bourgogne ou de Côtes du Rhône, além dos vinhos da Loire, da Alsácia e do sul da França estarão disponíveis. O vinho se degusta entre amigos, durante uma boa refeição e com parcimônia. Aprecie com moderação!

Durante o dia-a-dia você vai provavelmente comer na universidade. Os 450 restaurantes universitários administrados pelos CROUS fazem parte da tradição da vida estudantil na França. Os preços praticados pelos Restos U são muito interessantes: uma refeição completa custa somente 3,20 € (preço referente ao ano letivo 2014-2015)! Para frequentá-los, basta possuir uma carteira de estudante. Alguns abrem à noite e aos finais de semana. Conheça aqui os endereços dos Restos U na França.

Quando você for experimentar outras opções, lembre-se: um restaurant serve refeições, uma brasserie serve refeições rápidas e bebidas quentes e frias, e os cafés servem essencialmente bebidas. As boulangeries (padarias) não são como grandes padarias das cidades brasileiras e vendem essencialmente pães, sem vender doces, frios etc. Se você puder cozinhar, vai encontrar uma grande variedade de ingredientes e opções de abastecimento em todas as cidades: hipermercados, supermercados e feiras (que são também muito tradicionais na cultura francesa e mais baratas).

Uma dica: Quando você for a um restaurante e quiser beber água enquanto come, peça uma carafe d’eau (jarra de água). A diferença entre pedir isso e pedir uma bouteille d’eau (garrafinha de água), é que você não pagará pela primeira, pois é água da torneira.